Igreja Assembléia de Deus Ribeirão Preto - Ministração da Palavra, Adoração, Louvor
Manancial de Vida AD - Um canal de benção para sua vida.
 
Untitled Document

A influência e os efeitos da música sobre o corpo humano

A música realmente influencia? Somos os seres vivos com o mais alto poder de pensamento racional, com a maior capacidade associativa, com enormes recursos de memória e o único ser vivo que domina a fala articulada: a verdadeira coroa da criação. Para nós, o conceito de ser influenciado por um som, que é algo abstrato e efêmero, que só existe no tempo e na nossa imaginação, pode parecer estranho. Temos a clara noção de gostar ou não gostar de uma música e isso pode nos levar a pensar que esta escolha baseada no gosto pessoal é a única influência que a música pode ter sobre nós. Se eu não gosto de uma música, ela não vai me afetar. Mas não é bem assim.

A experiência musical ultrapassa tudo o que podemos imaginar sem um estudo aprofundado. E esta experiência, embora seja por um meio abstrato e efêmero, atinge muito mais do que o simples gostar ou não gostar, ou a criação de fantasias na nossa imaginação, através dos desenhos sonoros. Esta influência é física!

Essa pesquisa é ampla e profunda, mas deixo aqui o resumo da importância desse tema e esclarecimentos às pessoas de que a música, a letra e a melodia têm sim uma grande influência no corpo e na mente humana. Estes efeitos não são dependentes de condicionamentos culturais ou estados mentais receptivos. Leis naturais governam a química do corpo e da mente, assim como os efeitos físicos e mentais da música. Estas leis foram estudadas através de experiências científicas e cuidadosas observações.

Ao medir os efeitos dos estímulos da música no ser humano, os investigadores procuraram por respostas fisiológicas tais como aumento na freqüência de pulso e na resistência elétrica da pele. Claro que uma experiência espontânea de música envolve muito mais que uma resposta física mensurável. Não obstante, é a presença física do som que influencia nossas reações.

A maioria das pessoas não presta muita atenção às leis da música e ignora o impacto que a música tem sobre a sua saúde física, social e mental. Hoje, a escolha da música é amplamente determinada pelo gosto pessoal. Esta tendência reflete a orientação consumista de nossa sociedade, onde muitas pessoas se enchem indiscriminadamente com “alimento impróprio” inferior, que causa inúmeros efeitos psicológicos, bem como desordens físicas, tais como a falta de concentração e a deficiência na aprendizagem entre as crianças na escola e jovens estudantes. A mesma atitude indiscriminada é encontrada no consumo de música inferior e prejudicial.

Para apreciarmos os efeitos da música, precisamos estar atentos aos processos básicos que ocorrem no ouvido humano ao som da música. As ondas sonoras (vibrações) que chegam ao tímpano do ouvido são transformadas em impulsos químicos e nervosos que registram em nossa mente as diferentes qualidades dos sons que estamos ouvindo. O que muitos não sabem é que “as raízes dos nervos auditivos – os nervos do ouvido – são distribuídos mais amplamente e tem conexões mais extensas do que os de qualquer outro nervo no corpo. Devido a esta extensa rede, dificilmente existe uma função no corpo que possa não ser afetada pelas pulsações e combinações harmônicas de tons musicais”.

Rapidamente foi feita uma descoberta muito importante. Os pesquisadores descobriram que a música é registrada na parte do cérebro que normalmente é estimulado pelas emoções, contornando os centros cerebrais que lidam com a inteligência e razão. Segundo Ira Altschuler, um dos pesquisadores, a “música, que não depende das funções superiores do cérebro para franquear entrada ao organismo, ainda pode excitar por meio do tálamo – o posto de intercomunicação de todas as emoções, sensações e sentimentos. Uma vez que um estímulo tenha sido capaz de alcançar o tálamo, o cérebro superior é automaticamente invadido.”

O que ocorre é que as terminações nervosas que partem do ouvido não vão diretamente para a região do cérebro responsável pela sua interpretação. As freqüências são analisadas de forma básica já na cóclea e enviadas diretamente para o tronco cerebral, a região responsável pelas funções mais básicas da sobrevivência do corpo humano. Ali são classificadas e processadas e os estímulos assim criados são distribuídos para diversos centros cerebrais, inclusive o centro responsável pela interpretação do som. Somente depois que este centro fez o seu trabalho é que o estímulo atinge os centros cerebrais superiores, que valida este estímulo com base em experiências anteriores e caracteriza e classifica a experiência sonora.

Estudos mostraram que o impacto da música no sistema nervoso e as mudanças emocionais provocados direta ou indiretamente pelo tálamo afetam alguns processos tais como a freqüência cardíaca, a respiração, a pressão sangüínea, a digestão, o equilíbrio hormonal, o humor e as atitudes. Isto nos ajuda a entender por que as intensas batidas rítmicas da música popular, mais notadamente o rock, podem ter uma gama tão extensa de efeitos físicos e emocionais.

Embora seja verdade que a resposta à música varia de acordo com cada indivíduo, tornando difícil generalizar seus efeitos, permanece o fato de que a indústria da música e o mundo dos negócios sabem usá-la para criar ou mudar humores e vender mercadoria.

A batida irregular, incansável, e intensa da música popular, especialmente as formas derivadas do rock, colocam o corpo humano sob stress, aumentando a freqüência da pulsação, a pressão sanguínea e a produção de adrenalina, prejudicando a qualidade da audição das pessoas.

A enorme influência da música sobre os aspectos físicos, mentais e emocionais de nosso corpo deveria ser de grande preocupação para os cristãos que aceitam o apelo para se consagrarem todo o ser como “um sacrifício vivo, santo e aceitável a Deus” (Rom 12:1). Por isso, que possamos nos preocupar com estilos musicais que o mundo está impondo para comercialização e para causas e efeitos do nosso corpo e mente. Vamos nos preocupar em agradar ao Senhor com o perfeito louvor e adoração que edifica nossa alma e quebra todos os grilhões desse mundo.  Que Deus nos abençoe!

Texto Original: Dr. e Pr. Samuel Bacchiocchi

 

 Adaptação: Pérsida Auaide

 

 



VEJA TAMBÉM
Galerias de Fotos
ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br ieaderp.com.br

 
 
Widget gerado por Gospel Prime
 
R

VÍDEOS


Igreja Evangélica Assembleia de Deus
Rua Álvares de Azevedo, 635 - Vila Tibério - Ribeirão Preto/SP
Fones:(16) 3636-9591 / 3636-9435
Copyright © 2013 - Todos os direitos reservados.